“Doar é uma forma de mostrar que não sou indiferente às injustiças do mundo”

William Mimassi Pedroso acredita que “filantropia é afirmação da vida em sociedade”. Batemos um papo com nosso doador, mais uma daquelas pessoas incríveis que fazem o Confluentes acontecer. Para ele, “ser confluente é se importar”. Vamos à conversa!

Em poucas palavras: quem é você?
Busco ser uma pessoa justa, equilibrada, gentil e respeitosa. Persigo a sabedoria, mas ainda falta um longo caminho.

Como você chegou ao Confluentes?
Por recomendação de alguém que admiro muito e que me é uma grande referência: Wolff Klabin.

O que é filantropia para você?
Filantropia é afirmação da vida em sociedade. É uma das formas de chegar ao terceiro desconhecido que está no mesmo barco que eu, interligado a mim.

Por que doar?
Doar é uma forma de mostrar que eu me importo, que não sou indiferente às injustiças do mundo. 

Que causas você considera mais urgentes? 
São muitas causas urgentes. Há as que eu sou mais próximo, que nem por isso são as mais importantes. O encarceramento descontrolado me preocupa, a fome me preocupa, o abismo cultural e de oportunidade entre pessoas de mesma geração me preocupam, a desinformação e o retrocesso na educação me preocupam, o abandono de idosos me preocupa.

Antes de se tornar confluente, você já teve alguma outra experiência de engajamento social?
Não existe alegria maior para mim do que conhecer alguém com perfil “fazedor” e que direciona a energia para uma causa social. Eu gosto de me ver como aquele que incentiva e que está junto, dizendo “vamos, você não está sozinho”. Engajei-me, assim, com diversas causas, de amparo ao idoso a promoção da democracia, passando por educação e esporte.

O que mudou em sua vida desde que você se tornou confluente?
Tornar-me confluente foi uma confirmação de que há pelo menos uns 50 outros como eu, que entendem que não precisam primeiro enriquecer ou ter uma instituição para chamar de sua para, então, começar a fazer filantropia.

O que você diria para alguém que está pensando em começar a doar e a se engajar socialmente, mas não sabe bem como começar?
Pense em uma causa que toque o seu coração e busque uma instituição que a enderece. Se não conseguir pensar ou não encontrar, pode entrar em contato comigo.

Como é o Brasil dos seus sonhos?
É um país em que todas as pessoas possam viver com dignidade.

Ser confluente é…
… se importar.

Você leu recentemente algum livro ou assistiu a algum filme ou série que gostaria de recomendar aos outros confluentes e parceiros
Tenho lido romances recentemente. Recomendo Senhores do orvalho, de Jacques Roumain. Uma mistura de Vidas secas com Romeu e Julieta e um toque messiânico. É uma boa provocação, mas com esperança.

Download Best WordPress Themes Free Download
Download WordPress Themes Free
Download WordPress Themes Free
Free Download WordPress Themes
udemy free download
download samsung firmware
Download Nulled WordPress Themes
online free course
VER MAIS POSTS